19/05/2011

“Bruçó”

Autor: Luis Pardal

Resolvi escrever estas linhas para agradecer ao Antero Neto o exemplar que me enviou do livro de sua autoria “Bruçó”. Excelente obra que reflete o trabalho do autor e a sua paixão por resgatar a história antiga de Bruçó e das terras de Mogadouro. 

Da minha parte lhes digo que é um livro é encantador, que recomendo a todos!Eu de primeira abri e não consegui parar de ler. Aproveito para informar que o livro já se encontra à venda na Livraria Carvalho, no Hotel Trindade Coelho e no restaurante "A Lareira".

Quero agradecer tambem ao Isaias Cordeiro pela gentileza de postar o livro nos correios, e me fazer participar desta leitura.

IMG01733-20110419-1011

BRU_LI~1

 

Citações: www.jornalnordeste.com

image

Arquivo: Edição de 15-03-2011

Secção: Nordeste Rural

Memórias de Bruçó

foto

Obra literária compila memórias paroquiais de 1747 e 1758, notas históricas e etnográficas
O espólio literário do concelho de Mogadouro está mais rico com a obra “Bruçó, As Memórias Paroquiais de 1747 e 1758, Notas Históricas e Etnográficas”, apresentado na Biblioteca Municipal Trindade Coelho, em Mogadouro.
Com autoria de Antero Neto, o livro divide-se em três capítulos, sendo o primeiro dedicado às Memórias Paroquiais do séc. XVIII. Nesta parte, o advogado descreve a estrutura administrativa e produtiva da época, tendo como referência a obra do Pe. Luís Cardoso.
No segundo capítulo destaca-se um “breve ensaio” sobre o topónimo “Bruçó”, bem como a dissertação sobre a festa solstício dos “Velhos e Chocalheiro”, rituais de Natal que o autor disseca e tenta enquadrar. De referir, ainda, um estudo sobre o “Castelo dos Mouros”.
Finalmente, na terceira parte do livro é feita a resenha da evolução demográfica da freguesia de Bruçó, desde o primeiro censo oficial de 1864, até aos dias de hoje.
“É a minha primeira incursão neste campo, e representa um reencontro com uma paixão antiga pela História e Arqueologia”, salienta o Antero Neto, natural da aldeia focada na obra.
Trata-se do segundo livro do advogado, sendo que o primeiro, com o título “Serões do Planalto” é uma colectânea de contos, lançada em 2006 sob a chancela da editora “Labirinto”.
A edição deste livro contou com o apoio da Junta de Freguesia de Bruçó e da Câmara Municipal de Mogadouro.

Por: Francisco Pinto

 

Citações: mogadouro (ho mogadoyro)

Sábado, 12 de Março de 2011

Apresentação do livro "Bruçó..."

Fotos: José Bento da Silva.

Decorreu hoje, na Biblioteca Municipal Trindade Coelho, em Mogadouro, a apresentação oficial do livro "Bruçó, As Memórias Paroquiais de 1747 e 1758, Notas Históricas e Etnográficas". A exposição sobre a obra esteve a cargo do Dr. Pimenta de Castro. No final houve sessão de autógrafos e convívio com os presentes, no bar das instalações da biblioteca.

Artigos interessantes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...